domingo, 15 de agosto de 2021

ADOLESCENTE FAZ TIJOLOS DE ADOBE PARA PAGAR MENSALIDADE DOS SEUS ESTUDOS

Publicado por Roberto Leal As domingo, 15 de agosto de 2021  | Sem Comentarios

A guerreira Brenda em ação
Ela se chama Brenda Mercy Awori, tem apenas 17 anos e trabalha na confecção de tijolos de adobes para a construção, para ter com que pagar as suas propinas (mensalidades da universidade ou colégio/taxa), enquanto outras utilizam o seu corpo para o exercício da prostituição para obter ganhos financeiros, ela usa o corpo dela para fazer trabalhos árduos de intensa superação, para suprir as suas dificuldades e necessidades, fazendo blocos de adobe e também exercendo outras atividades braçais para ganhar a vida de uma forma muito justa.

"Sonho em ser médica . Não namoro, porque a idade não permite, quem sabe depois da minha formação, quando ser uma mulher formada e com emprego. Sonho sim em ter filhos, três (duas meninas e um rapaz), mas somente dentro de minha própria casa e com meu próprio marido" disse conscientemente.

Desde a infância, a vida de Brenda Mercy Awori tem sido cheia de desafios, mas é por isso que ela se esforça para mudar o seu amanhã, desenhar o seu futuro. Filha dos camponeses Misanga Eriya e Namulunde Milly, residentes da Vila de Lukone no distrito de Mayuge, freguesia de Lugolole, in Uganda/África, ela é o sétimo filho n'uma família de 5 rapazes e 4 mulheres.

Ela decidiu ajudar seu pai a fazer tijolos para aumentar suas taxas escolares. Ela mesma fabrica os próprios tijolos e os vendem. “Quando vi meu pai lutando para aumentar minhas taxas escolares por meio desse negócio, decidi me juntar a ele e estou determinada a fazer o suficiente para aumentar minhas taxas escolares”.

Brenda, é aluna do quinto ano da Kololo Secondery School, onde estuda Biologia, Química e Matemática - BCM, segue focada e consciente de que está no caminho certo, para realizar seu sonho de se tornar médica. “Só sonho ser médica e estou muito otimista de que isso vai se realizar. É um dos meus maiores motivadores para dar o meu melhor no que faço. ” ela comentou sorridente.

Brenda faz 500 tijolos em um único dia, mas isso não aconteceu sem desafios. “Um dos desafios que enfrento é que o solo é arenoso e cheio de coisas pontiagudas como garrafas quebradas e coisas do gênero, acabam cortando minhas mãos e pernas. E como é um trabalho manual, fico tão cansada à noite ”, reclama.

“Também recebo muitas pessoas zombando de mim e dizendo que estou mantendo um trabalho destinado aos homens, mas eu realmente não me importo com o que eles dizem”, afirma. Um dos desafios que Brenda enfrentou é capital para comprar lenha para queimar seus tijolos. Uma arvore média está custando cerca de 600.000 xelins, o que encarece e dificulta a vida de quem trabalha na fabricação desse tipo tijolos, tendo em vista que da arvore se tira a lenha para queimar/assar os tijolos.

Fotos: Divulgação/Internet
Texto: Roberto Leal

Arquivado Em :
Sobre o autor

Escreva a descrição de administração aqui ..

0 comentários:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

-

-

-

-

-

-

-

-

-

-

-

© 2013 Revista Òmnira. Traduzido Por: Template Para Blogspot. WP Theme-junkie converted by BloggerTheme9
Blogger template. Roberto Leal by Blogger.
back to top