quinta-feira, 15 de setembro de 2016

MORRE AFOGADO "SANTO" DA NOVELA O VELHO CHICO

Publicado por Roberto Leal As quinta-feira, 15 de setembro de 2016  | Sem Comentarios

Domingos Montagner morre no auge da carreira
Morreu hoje (15/09 quinta-feira) Domingos Montagner, o Santo da novela "Velho Chico", da TV Globo. Equipes de busca e salvamento localizaram o corpo do ator de 54 anos, foi encontrado preso entre duas pedras, a 18 metros de profundidade e a 320 metros do local, perto da Usina de Xingó, na Região de Canindé de São Francisco/SE. Domingos deixa a mulher, a também atriz e produtora Luciana Lima e três filhos: Leo, de 13 anos, Antônio, de 9, e Dante, de 5. Ele tinha gravado cenas da novela na parte da manhã. Quando terminou a gravação, o ator almoçou e, em seguida, foi tomar banho de rio, acompanhado da atriz Camila Pitanga, quando foi levado pela correnteza. Durante o mergulho, não voltou à superfície.  A atriz que estava também no local, avisou à produção, que iniciou imediatamente as buscas. Helicópteros do Grupamento Tático Aéreo da Policia Militar, e homens rãs do Corpo de Bombeiros, como também pescadores ajudaram nas buscas. Esta semana, a novela também teve cenas gravadas em Piranhas /AL.

O ator que era paulistano começou sua carreira artística trabalhando no teatro e em circos. Ele atuou em treze programas de TV, entre séries e novelas, além de nove filmes. Alguns papéis de destaque foram o Capitão Herculano Araújo de "Cordel Encantado"  de 2011 e o presidente Paulo Ventura de "O brado retumbante" de 2012. Ele também se destacou no papel de Zyah em "Salve Jorge" de 2012 e como João Miguel em "Sete Vidas” de 2015. O ator estava no ar como o líder de cooperativa Santo em "Velho Chico”, sucesso atual do horário nobre da Rede Globo de Televisão.

Montagner conta, em seu site oficial, que iniciou sua carreira no teatro, através do curso de interpretação de Myriam Muniz, e no Circo Escola Picadeiro. Em 1997, formou o Grupo La Mínima, com Fernando Sampaio. A Noite dos Palhaços Mudos, de 2008, lhe rendeu o Prêmio Shell de Melhor Ator. Em 2003, criou o Circo Zanni, do qual foi diretor artístico. O primeiro papel na TV foi no seriado "Mothern" de 2006, do GNT, canal da TV por assinatura. A estreia na Rede Globo foi também em seriados: "Força Tarefa", "A Cura" e "Divã". A primeira novela, "Cordel Encantado", foi em 2011. No ano seguinte, estreou no cinema, com uma participação no longa metragem "Gonzaga - de Pai Pra Filho", do diretor Breno Silveira.

Após a notícia da morte do ator, todo elenco entrou em estado de choque e as gravações foram suspensas. O corpo foi retirado do fundo das Águas do rio São Francisco e aguarda remoção para o IML- Instituto Médico Legal.

Foto: Divulgação

Arquivado Em :
Sobre o autor

Escreva a descrição de administração aqui ..

0 comentários:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

-

-

-

-

-

-

-

-

-

-

-

-
© 2013 Revista Òmnira. Traduzido Por: Template Para Blogspot. WP Theme-junkie converted by BloggerTheme9
Blogger template. Roberto Leal by Blogger.
back to top